Aviso: RigorTático em Manutenção      

Bruno de Carvalho quer um empréstimo obrigacionista de 30 milhões e ataca a direcção Godinho Lopes em causa os contratos assinados com Izmailov, Jeffren e Alberto Rodríguez.


SPORTING: O actual Conselho Directivo do Sporting liderado por Bruno de Carvalho, que interpor uma acção judicial contra Godinho Lopes, Luís Duque, Carlos Freitas e Nobre Guedes por danos causados ao clube de Alvalade. Em causa estão os contratados assinados com Izmailov, Jeffren e Alberto Rodríguez. Para a atual direção leonina, o antigo Conselho Directivo assinou contrato com jogadores que fisicamente não estariam a 100% e que inclusivé não fizeram exames antes das assinaturas. Por isso, Bruno de Carvalho e a sua administração entendem que os administradores em questão violaram culposamente os deveres de diligência e cuidado a que estavam obrigados e, em consequência, causaram à Sporting SAD um prejuízo, cujo montante irá ser concretizado pelos serviços jurídicos competentes para o efeito.

Noutro âmbito na próxima Assembleia Geral leonina, agendada para 1 de outubro, vai ser decidida a autorização de emissão de um empréstimo obrigacionista de 30 milhões de euros. O pedido pode ser lido em comunicado enviado à CMVM, onde está toda a ordem de trabalhos."O Conselho de Administração da SPORTING CLUBE DE PORTUGAL – FUTEBOL, SAD, vem, nos termos e para os efeitos do disposto no número 2 do artigo 8º dos Estatutos, propor à Assembleia Geral da Sociedade, reunida aos 1 de Outubro de 2014, que delibere conceder-lhe autorização para a emissão, com oferta pública de subscrição, de um empréstimo obrigacionista, até ao montante máximo de € 30.000.000,00 (trinta milhões de euros), mediante a emissão de obrigações ordinárias, com o valor nominal unitário de € 5 (cinco euros)."

ACOMPANHE TODOS OS RESULTADOS E ESTATÍSTICAS MINUTO A MINUTO E REVEJA AS SUAS APOSTAS - Livescore by: futebol.com